• Ricardo Bonacorci

Livros: O Inimigo Secreto - A estreia dos Jovens Aventureiros de Agatha Christie


Comecei a leitura das obras de Agatha Christie do Desafio Literário por um dos seus primeiros livros. “O Inimigo Secreto” (Record) é o segundo romance da inglesa. Sua publicação inicial é datada de 1922. O aspecto mais interessante dessa obra é que ela foi a estreia da dupla de detetives Thomas Beresford e Prudence Cowley, mais conhecidos como Tommy e Tuppence, respectivamente. O jovem casal acompanharia a “Rainha do Crime” ao longo dos anos e por mais quatro livros: “Sócios no Crime” (1929), “M ou N” (1941), “Um Pressentimento Funesto” (1968) e “Portal do Destino” (1973).

Thomas Beresford e Prudence Cowley foram os personagens mais populares de Agatha Christie depois do detetive Hercule Poirot. Tommy e Tuppence foram o único casal criado pela mente da britânica que esteve em mais de uma história dela. Ao longo dos livros, é possível acompanhar a evolução da vida da dupla. Curiosamente, o envelhecimento das personagens respeita a passagem cronológica do tempo entre as publicações dos livros. No início, eles são apenas jovens, solteiros e amigos de infância que se arriscam em uma investigação amadora. Depois, se apaixonam, casam e tem um filho, tornando-se detetives profissionais. Na última história, temos os dois já idosos e aposentados, vivendo tranquilamente em uma cidadezinha do interior da Inglaterra.

Assim, em “O Inimigo Secreto”, ficamos conhecendo os jovens Tommy e Tuppence. Com o fim da Primeira Guerra, a dupla retorna a Londres (ele tinha lutado no campo de batalha e ela fora enfermeira). Desempregados, sem dinheiro e sem perspectivas profissionais, os dois decidem abrir, em conjunto, uma empresa de investigação particular. Chamada de Jovens Aventureiros LTDA, a nova companhia tinha como proposta principal dar vasão a sede de aventuras da dupla.

Meio sem querer, assim que decidem abrir a empresa, eles são imediatamente chamados para o primeiro caso. Tommy e Tuppence precisam localizar Jane Finn, uma garota envolvida em uma trama política. A moça norte-americana recebeu documentos secretos de um espião de seu país assim que desembarcou no continente europeu. Se esses papéis caíssem nas mãos erradas, governantes dos países aliados estariam em maus lençóis. Contudo, ninguém sabe onde está a jovem. Tanto o governo inglês quanto grupos revolucionários desejam encontra-la para se apossar dos documentos.

E aí está o perigo! Enquanto procuram por Jane Finn, Tommy e Tuppence acabam se tornando inimigos do grupo revolucionário comandado pelo misterioso Sr. Brown. A trama gira em torno da verdadeira identidade do tal Sr. Brown. Quem é ele? Essa pergunta anda lado a lado com outra: Onde está Jane Finn?

Essa história é recheada de intrigas, assassinatos, suspense, perseguições e reviravoltas. Com pouco mais de 200 páginas, é possível ler este livro em um único dia (foi o que fiz neste domingo chuvoso). Basta ler o primeiro capítulo para ter vontade de ir até o final. Realmente, o casal Tommy e Tuppence é muito carismático. Não foi à toa que Agatha Christie quis dar continuidade a vida fictícia da dupla.

O mais interessante nessa história é que na metade do livro eu disse para mim mesmo: “Já sei quem é o Sr. Brown!”. Já no finalzinho da narrativa, tive certeza que estava certo. Neste momento pensei: “A Rainha do Crime não é tão boa assim. Eu descobri facilmente o mistério”. Esse meu pensamento se diluiu nos capítulos finais. A história deu uma reviravolta incrível e nada do que sentenciei se concretizou. Ao fechar o livro, pensei com os meus botões: “Nunca mais vou menosprezá-la assim”.

O livro é realmente bom. Dá vontade de ler as demais histórias da dupla Tommy e Tuppence para saber o que aconteceu com eles. Além disso, a trama é bem amarrada do início ao fim, com boas doses de política e romance. O tempo inteiro está acontecendo alguma coisa e a sensação é que a ação domina toda a narrativa. Tudo tem um motivo e uma razão de ser. Só não gostei da sequência de coincidências que abre a trama. Essa é a única parte que foge da verossimilhança.

Gostei de “O Inimigo Secreto”. Agatha Christie escreve bem, consegue prender a atenção do leitor e sabe dar reviravoltas na trama. Esse foi um bom aperitivo pelo que virá nesse mês.

O próximo livro que será analisado neste Desafio Literário é "O Assassinato de Roger Ackroyd" (Globo). O post sobre esta obra está disponível no Blog Bonas Histórias no dia 9, quinta-feira. Não perca o estudo sobre a literatura de Agatha Christie!

Gostou da seleção de autores e de obras do Desafio Literário? Que tal o Blog Bonas Histórias? Seja o(a) primeiro(a) a deixar um comentário aqui. Para saber mais sobre as Análises Literárias do blog, clique em Desafio Literário. E não deixe de curtir a página do Bonas Histórias no Facebook.

#AgathaChristie #LiteraturaInglesa #LiteraturaClássica #RomancePolicial #Romance #Suspense

A Editora Pomelo é parceira do Bonas Histórias, blog de literatura, cultura e entretenimento
A Dança & Expressão é parceira do Bonas Histórias, blog de literatura, cultura e entretenimento
Eduardo Villela é Eduardo Villela é book advisor e parceiro do Bonas Histórias, blog de literatura, cultura e entretenimento
BonaBelle Design & Organização é parceira do Bonas Histórias, blog de literatura, cultura e entretenimento
A Epifania Conteúdo Inteligente é parceira do Bonas Histórias, blog de literatura, cultura e entretenimento
Keli Quitutes

Bonas Histórias

O Bonas Histórias é o blog de literatura, cultura e entretenimento desenvolvido por Ricardo Bonacorci desde 2014. Com um conteúdo multicultural (literatura, cinema, música, teatro, exposição e gastronomia), o Blog Bonas Histórias analisa as boas histórias contadas no Brasil e no mundo.

bonashistorias.com.br

Ricardo Bonacorci

Nascido na cidade de São Paulo, Ricardo Bonacorci tem 39 anos e trabalha como publicitário, produtor de conteúdo, crítico literário e cultural, editor, escritor e pesquisador acadêmico. Ricardo é especialista em Administração de Empresas, pós-graduado em Gestão da Inovação, bacharel em Comunicação Social, licenciando em Letras-Português e pós-graduando em Formação de Escritores.  

Bonas Histórias | blog de literatura, cultura e entretenimento | bonashistorias.com.br

Blog de literatura, cultura e entretenimento