• Ricardo Bonacorci

Músicas: Todos Estão Surdos – A canção de Roberto Carlos mais atual do que nunca


Em 1971, Roberto Carlos lançou seu décimo terceiro álbum. Chamado simplesmente de “Roberto Carlos”, como a maioria dos seus discos daquela época, o LP marcava o início da fase de maturidade artística do compositor capixaba. Saía de cena o Roberto rebelde da Jovem Guarda e surgia o Roberto romântico da MPB. Este álbum é tão importante que muita gente o coloca como o melhor da carreira de Roberto Carlos e um dos mais relevantes da história musical brasileira.

Os elogios não são à toa. Neste disco, temos canções como “Detalhes”, a minha favorita do Rei, “Debaixo dos Caracóis dos Seus Cabelos”, imortalizada mais tarde na voz de Caetano Veloso, “A Namorada”, criação de Maurício Duboc e Carlos Colla, “Traumas”, outra composição de Roberto e Erasmo, e “Como Dois e Dois”, música de Caetano Veloso.

É tanta canção boa que “Todos Estão Surdos”, a sétima faixa, acabou ficando em parte ofuscada. Trata-se de uma grande injustiça. Criação de Roberto Carlos e Erasmo Carlos, “Todos Estão Surdos” é daquele tipo de canção que nos faz pensar e, ao mesmo tempo, cantar. Lembro até hoje a primeira vez que a ouvi. Adorei sua mensagem e fiquei cantarolando seu refrão o dia inteiro. E o que posso dizer do seu apoteótico La ra la ra la ra la ra La ra la ra la ra la ra La ra la ra la ra la ra, hein?

A versão original cantada por Roberto Carlos mistura cantoria com trechos de discurso/pregação. Esse recurso dá ainda mais força à excelente letra da música. Com uma mensagem bonita e universal, somos contagiados pelo seu conteúdo. Além disso, sua melodia simples e carismática gruda em nossa mente quase que instantaneamente. Impossível não acompanhar sua execução. La ra la ra la ra la ra La ra la ra la ra la ra La ra la ra la ra la ra.

Veja, a seguir, a letra de “Todos Estão Surdos”:

“Todos Estão Surdos” – Roberto Carlos e Erasmo Carlos (1971)

Desde o começo do mundo

Que o homem sonha com a paz

Ela está dentro dele mesmo

Ele tem a paz e não sabe

É só fechar os olhos

E olhar pra dentro de si mesmo

Tanta gente se esqueceu

Que a verdade não mudou

Quando a paz foi ensinada

Pouca gente escutou

Mas meu Amigo volte logo

Venha ensinar meu povo

Que o amor é importante

Vem dizer tudo de novo

Outro dia, um cabeludo falou

"Não importam os motivos da guerra

A paz ainda é mais importante"

Esta frase vive nos cabelos encaracolados

Das cucas maravilhosas

Mas se perdeu no labirinto

Dos pensamentos poluídos pela falta de amor

Muita gente não ouviu porque não quis ouvir

Eles estão surdos!

Tanta gente se esqueceu

Que o amor só traz o bem

Que a covardia é surda

E só ouve o que convém

Mas meu Amigo volte logo

Vem olhar pelo meu povo

O amor é importante

Vem dizer tudo de novo

Um dia o ar se encheu de amor

E em todo o seu esplendor as vozes cantaram

Seu canto ecoou pelos campos

Subiu as montanhas e chegou ao universo

E uma estrela brilhou mostrando o caminho

"Glória a Deus nas alturas

E paz na Terra aos homens de boa vontade"

Tanta gente se afastou

Do caminho que é de luz

Pouca gente se lembrou

Da mensagem que há na cruz

Mas meu Amigo volte logo

Venha olhar pelo meu povo

O amor é importante

Vem dizer tudo de novo

Veja e ouça o clipe original da música:

Composto há quase cinquenta anos, “Todos Estão Surdos” se encaixa, curiosamente, como uma luva no panorama atual de nosso país. Você percebeu isso? A música se ajusta perfeitamente aos dias que estamos vivendo hoje. Talvez não haja composição mais perfeita do que ela para este 28 de outubro de 2018. Quem me alertou sobre esse fato foi minha irmã. Ontem à noite, ela apareceu cantando essa música e pediu para que eu notasse o teor da letra. Achei maravilhoso!

Enquanto milhões de brasileiros vão às urnas hoje, vou aproveitar para continuar ouvindo as sábias palavras de Roberto Carlos e para cantarolar La ra la ra la ra la ra La ra la ra la ra la ra La ra la ra la ra la ra.

Que tal este post e o conteúdo do Blog Bonas Histórias? Seja o(a) primeiro(a) a deixar um comentário aqui. Para acessar os demais posts sobre o universo musical, clique em Músicas. E aproveite para curtir a página do Bonas Histórias no Facebook.

#RobertoCarlos #ErasmoCarlos

A Editora Pomelo é parceira do Bonas Histórias, blog de literatura, cultura e entretenimento
A Dança & Expressão é parceira do Bonas Histórias, blog de literatura, cultura e entretenimento
Eduardo Villela é Eduardo Villela é book advisor e parceiro do Bonas Histórias, blog de literatura, cultura e entretenimento
BonaBelle Design & Organização é parceira do Bonas Histórias, blog de literatura, cultura e entretenimento
A Epifania Conteúdo Inteligente é parceira do Bonas Histórias, blog de literatura, cultura e entretenimento
Keli Quitutes

Bonas Histórias

O Bonas Histórias é o blog de literatura, cultura e entretenimento desenvolvido por Ricardo Bonacorci desde 2014. Com um conteúdo multicultural (literatura, cinema, música, teatro, exposição e gastronomia), o Blog Bonas Histórias analisa as boas histórias contadas no Brasil e no mundo.

bonashistorias.com.br

Ricardo Bonacorci

Nascido na cidade de São Paulo, Ricardo Bonacorci tem 39 anos e trabalha como publicitário, produtor de conteúdo, crítico literário e cultural, editor, escritor e pesquisador acadêmico. Ricardo é especialista em Administração de Empresas, pós-graduado em Gestão da Inovação, bacharel em Comunicação Social, licenciando em Letras-Português e pós-graduando em Formação de Escritores.  

Bonas Histórias | blog de literatura, cultura e entretenimento | bonashistorias.com.br

Blog de literatura, cultura e entretenimento