• Ricardo Bonacorci

Mercado Editorial: Livros - Lançamentos em março e abril de 2020


As últimas semanas não foram fáceis para ninguém. O Brasil e boa parte do mundo pararam temendo a propagação do surto do novo coronavírus (o tão famigerado Covid-19). Nesse cenário de caos, o mercado editorial, que já antes da epidemia estava muito longe de viver dias tranquilos, também foi seriamente afetado. Muitos lançamentos de livros foram postergados e quase todos os eventos literários precisaram ser cancelados. Não é errado dizer que entre 15 de março e o final de abril de 2020 os setores livreiro e editorial ficaram completamente estagnados. Uma pena tanto para os negócios quanto para os leitores mais ávidos por novidades!


Mesmo assim, uma ou outra coisinha sempre pinta de novo, não é? No post de hoje da coluna Mercado Editorial, vamos apresentar as obras publicadas nos últimos dois meses (quase todas até a segunda semana de março). Nesta lista do Bonas Histórias, enfocamos 87 publicações entre títulos ficcionais (romances, novelas, coletâneas de contos e de crônicas, ensaios e literatura infantojuvenil) e coletâneas poéticas. Abordamos tanto os livros nacionais quanto os internacionais.


Confira, a seguir, os livros que foram lançados em março e abril de 2020 no Brasil!


Ficção Brasileira:


“Posso Pedir Perdão, Só Não Posso Deixar de Pecar” (LeYa) – Fernanda Young – Romance – 160 páginas.

“VHS – Verdadeiras Histórias de Sangue” (Darkside) – Cesar Bravo – Romance – 288 páginas.

“Marcelino” (Ímã) – Godofredo de Oliveira Neto – Romance – 260 páginas.

“Anatomia das Borboletas” (Giostri) – Eduardo Leite – Romance – 152 páginas.

“Cadafalso” (Terceiro Nome) – Roberto Elisabetsky – Romance – 240 páginas.

“Corpo em Combate, Cenas de Uma Vida” (7 Letras) – Sofia Karam – Romance - 208 páginas.

“Com o Corpo Inteiro” (Pólen) – Lucila Losito Mantovani – Romance – 168 páginas.

“Confissões – Cartas ao Mestre” (Vernacular) – Carol Costa e Silva – Romance – 136 páginas.

“Opulência” (Cepe) – Luis S. Krauz – Romance – 284 páginas.

“Puro Gesto” (Iluminuras) – Teixeira Coelho – Romance – 128 páginas.

“Maria Altamira” (Instante) – Maria José Silveira – Romance – 280 páginas.

“O Manuscrito do Jovem Gabriel” (Reformatório) – João Batista de Andrade – Romance – 184 páginas.

“Páginas de Recordações - Memórias” (Chão) – Floriza Ferraz – Romance – 288 páginas.

“O Fazedor de Velhos 5.0” (Companhia das Letras) – Rodrigo Lacerda – Romance – 312 páginas.

“A Cidadela” (Miguilim) – Maurício Meirelles – Romance – 272 páginas.

“O Alienista” (Antofágica) – Machado de Assis – Novela ilustrada – 304 páginas.

“Aranhas” (Record) – Carlos Henrique Schroeder – Coletânea de Contos – 192 páginas.

“Meus Olhos” (Sulina) – Gilberto Schwartsmann – Coletânea de Contos – 158 páginas.

“As Baleias do Saguenay” (Moinhos) – João Batista Melo – Coletânea de Contos – 112 páginas.

“Quatro Passos sobre o Vazio” (Nós) – Marcia Tiburi – Coletânea de Contos – 64 páginas.

“Partes Homólogas” (Reformatório) – Leila Guenther – Coletânea de Contos – 104 páginas.

“Todo Mundo Tem uma Primeira Vez” (Plataforma 21) – Ale Santos, Bárbara Morais, Fernanda Nia, Jim Anotsu, Olívia Pilar e Vitor Martins – Coletânea de Contos – 224 páginas.

“Somente nos Cinemas” (Ateliê) – Jorge Ialanji Filhotini – Coletânea de Contos – 160 páginas.

“O Sino e o Relógio” (Carambaia) – Hélio de Seixas Guimarães e Camilo Vagner – Coletânea de Contos – 416 páginas.

“Os Cadernos de Solidão de Mario Levante” (Zouk) – Arthur Telló – Coletânea de Contos – 160 páginas.

“Gosto de Amora” (Malê) – Mário Medeiros – Coletânea de Contos – 148 páginas.

“A História Universal do After” (Nunc) – Leonardo Felipe – Coletânea de Crônicas – 190 páginas.

“Terra Papagalorum” (Imprensa Oficial do Estado de SP) – Gerda Brentani e Paulo Vanzolini – Coletânea de Crônicas – 292 páginas.

“Dias Ensolarados no Paraíso - Memória” (Chão) – Brazilia Oliveira de Lacerda – Coletânea de Crônicas – 180 páginas.

“Mulheres Normais” (Lura) – Izabella de Macedo – Coletânea de Crônicas – 50 páginas.

“O Destino é o Caminho – Uma Crônica do Caminho de Santiago” (Edições de Janeiro) – Ricardo Rangel – Coletânea de Crônicas – 176 páginas.

“Rua do Escritor” (Malê) – Henrique Rodrigues – Coletânea de Crônica – 192 páginas.

“Alinhavos – O Futuro do Planeta Está no seu Guarda-Roupa” (Panda Books) – Alessandra Ponce Rocha – Literatura Infantojuvenil – 48 páginas.

“Mari Miró e o Mané Gostoso” (Ciranda Cultural) – Vivian Caroline Lopes – Literatura Infantojuvenil – 48 páginas.

“Ovelha Colorida” (Kapulana) – Carolina Portella, Felipe Tognoli e Mariana Rhormens – Literatura Infantojuvenil – 32 páginas.

“A Pinta Curiosa” (Iluminuras) – Fê – Literatura Infantojuvenil – 24 páginas.

“Débora Garofalo – No Meio do Caminho Tinha... Coragem” (Malê) – Cristiane Boneto – Literatura Infantojuvenil – 96 páginas.

Ficção Estrangeira:


“O Fim da Eternidade” (Apeph) – Isaac Asimov (Rússia/Estados Unidos) – Romance – 256 páginas.

“Longa Pétala de Mar” (Bertrand Brasil) – Isabel Allende (Chile) – Romance – 280 páginas.

“M, o Filho do Século” (Intrínseca) – Antonio Scurati (Itália) – Romance – 812 páginas.

“Lucinde” (Iluminuras) – Friedrich Schlegel (Alemanha) – Romance – 132 páginas.

“Escândalo” (Planeta) – Shusaku Endo (Japão) – Romance – 256 páginas

“A Criatura” (Darkside) – Andrew Pyper (Canadá) – Romance – 304 páginas.

“Ida Um Romance” (Ponto Edita) – Gertrude Stein (Estados Unidos) – Romance – 224 páginas.

“Formas de Voltar para Casa” (Planeta) – Alejandro Zambra (Chile) – Romance –160 páginas.

“Recursão” (Intrínseca) – Blake Crouch (Estados Unidos) – Romance – 320 páginas.

“O Livro do Mar” (Âyiné) – Morten Stroksnes (Noruega) – Romance – 428 páginas.

“A Armadilha” (Mundaréu) – Emmanuel Bove (França) – Romance – 208 páginas.

“O Céu que nos Oprime” (Bertrand Brasil) – Christine Leunens (Nova Zelândia/Bélgica/Estados Unidos) – Romance – 252 páginas.

“O que Fazer?” (Expressão Popular) – Nikolai Tchernychevski (Rússia) – Romance – 590 páginas.

“Daqui Não Saio” (Bertrand Brasil) – Marco Balzano (Itália) – Romance – 210 páginas.

“Um Amor” (Nova Fronteira) – Dino Buzzati (Itália) – Romance – 240 páginas.

“História da Violência” (TusQuets) – Édouard Louis (França) – Romance – 176 páginas.

“Querido Diego, Sua Quiela” (Mundaréu) – Elena Poniatowska (México) – Novela –80 páginas.

“Knulp – Três Histórias da Vida de um Andarilho” (Todavia) – Hermann Hesse (Alemanha) – Novela – 112 páginas.

“A Gaiola” (Editora 34) – José Revueltas (México) – Novela – 64 páginas.

“Vamos Comprar Um Poeta” (Dublinense) – Afonso Cruz (Portugal) – Novela – 96 páginas.

“As Mulheres Contam” (Carambaia) – D. H. Lawrence (Inglaterra) – Coletânea de Contos – 288 páginas.

“Vitorianas Macabras” (Darkside) – Charlotte Brontë, Elizabeth Gaskell, H. D. Everett, Violet Hunt, May Sinclair e outras – Coletânea de Contos – 240 páginas.

“As Histórias de Pat Hobby” (Todavia) – F. Scott Fitzgerald (Estados Unidos) – Coletânea de Contos – 176 páginas.

“Não Aceite Caramelos de Estranhos” (Mundaréu) – Andrea Jeftanovic (Chile) – Coletânea de Contos – 144 páginas.

“Sobre Coisas que Aconteceram Comigo” (Papéis Selvagens) – Marcelo Matthey (Chile) – Coletânea de Crônicas – 108 páginas.

“Robinson” (Companhia das Letrinhas) – Peter Sís (República Tcheca/Estados Unidos) - Literatura Infantojuvenil – 52 páginas.

“Contos da Mamãe Ursa” (Raposa Vermelha) – Kitty Crowther (Bélgica) - Literatura Infantojuvenil – 72 páginas.

“O Carteiro Encolheu” (Companhia das Letrinhas) – Janet Ahlberg e Allan Ahlberg (Inglaterra) – Literatura Infantojuvenil – 40 páginas.

“O Urso Sonolento” (Brinque-Book) – Nick Bland (Austrália) - Literatura Infantojuvenil – 32 páginas.

“Leotolda” (Boitatá) – Olga de Dios (Espanha) – Literatura Infantojuvenil – 42 páginas.

“Eric Faz Tibum” (Brinque-Book) – Emily Mackenzie (Escócia) – 32 páginas.

“Eu Medito e me Conheço” (Companhia das Letrinhas) – Sophie Raynal (França) – Literatura Infantojuvenil – 32 páginas.

“Abelhas” (WMF Martins) – Piotr Socha (Polônia) – Literatura Infantojuvenil – 72 páginas.

Poesia Brasileira:


“Poesia + Antologia 1985 – 2019” (Editora 34) – Edimilson Pereira de Almeida – 384 páginas.

“Ressurreição – 101 Sonetos de Amor” (Nova Fronteira) – Carlos Newton Júnior – 128 páginas.

“Nada Mais Maldito que um Amor Bonito” (Bertrand Brasil) – Everton Behenck - 128 páginas.

“O Poeta de Pondichéry” (Moinhos) – Adília Lopes – 72 páginas.

“Nenhuma Poesia” (7 Letras) – Diego Pansani – 160 páginas.

“O Sapoeta” (Iluminuras) – Álvaro Faleiros e Fernando Vilela – 32 páginas.

“Estuário” (Patuá) – Guilherme Scalzilli – 108 páginas.

“Arraial do Curral del Rei – A Desmemória dos Bois” – Adriane Garcia – 160 páginas.

“Corpos” (Quelônio) – Arthur Lungov – 104 páginas.

“Máquina de Fazer Mar” (7 Letras) - Augusto Guimaraens Cavalcanti – 92 páginas.

“Foda-se” (Editora do Autor) – Tania Angelita Iora Guesser – 96 páginas.

“Pornografia em Extinção” (Patuá) – Gabriel Morais Medeiros – 176 páginas.

“Poemas para Morder a Parede” (7 Letras) – Gabriel Morais Medeiros – 80 páginas.

“Sophia – Singular Plural” (7 Letras) – Paola Poma – 288 páginas.

“O Sono de Cronos” (Terra Redonda) – Telma Scherer – 79 páginas.


Poesia Internacional:


“Os Pecados Predilectos” (Jaguatirica) – Inês Lourenço (Portugal) – 168 páginas.

“Ova Completa” (Jabuticaba) – Susana Thénon (Argentina) – 138 páginas


Em junho, voltarei à coluna Mercado Editorial para trazer os lançamentos de maio e junho (o terceiro bimestre do ano). Até lá!


Gostou deste post e do conteúdo do Blog Bonas Histórias? Se você se interessa por informações do mercado editorial, deixe aqui seu comentário. Para acessar outras notícias dessa área, clique em Mercado Editorial. E aproveite para curtir a página do Bonas Histórias no Facebook.

A Editora Pomelo é parceira do Bonas Histórias, blog de literatura, cultura e entretenimento
A Dança & Expressão é parceira do Bonas Histórias, blog de literatura, cultura e entretenimento
Eduardo Villela é Eduardo Villela é book advisor e parceiro do Bonas Histórias, blog de literatura, cultura e entretenimento
BonaBelle Design & Organização é parceira do Bonas Histórias, blog de literatura, cultura e entretenimento
A Epifania Conteúdo Inteligente é parceira do Bonas Histórias, blog de literatura, cultura e entretenimento
Keli Quitutes

Bonas Histórias

O Bonas Histórias é o blog de literatura, cultura e entretenimento desenvolvido por Ricardo Bonacorci desde 2014. Com um conteúdo multicultural (literatura, cinema, música, teatro, exposição e gastronomia), o Blog Bonas Histórias analisa as boas histórias contadas no Brasil e no mundo.

bonashistorias.com.br

Ricardo Bonacorci

Nascido na cidade de São Paulo, Ricardo Bonacorci tem 39 anos e trabalha como publicitário, produtor de conteúdo, crítico literário e cultural, editor, escritor e pesquisador acadêmico. Ricardo é especialista em Administração de Empresas, pós-graduado em Gestão da Inovação, bacharel em Comunicação Social, licenciando em Letras-Português e pós-graduando em Formação de Escritores.  

Bonas Histórias | blog de literatura, cultura e entretenimento | bonashistorias.com.br

Blog de literatura, cultura e entretenimento