• Ricardo Bonacorci

Cursos: CLIPE Online - A novidade de 2020 da Casa das Rosas


Vira e mexe, eu comento no Bonas Histórias os cursos de Escrita Criativa que faço ou que gostaria de fazer. E um dos melhores é o CLIPE - Curso Livre de Preparação do Escritor. Oferecido anualmente pelo Centro de Apoio ao Escritor (CAE), do museu paulistano Casa das Rosas - Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura, aos escritores em início de carreira, ele é a primeira opção de muita gente que deseja embarcar para valer na literatura (eu faço parte deste grupo). Coordenado por Reynaldo Damazio, o CLIPE é, na minha opinião, o mais renomado curso de Escrita Criativa da cidade de São Paulo, ao lado da Pós-Graduação de Formação de Escritores do Instituto Vera Cruz.


A principal vantagem do curso ministrado pela Casa das Rosas é a sua gratuidade (o curso da Vera Cruz é pago), além da ótima qualidade, é claro. E sua maior desvantagem é o fato de ter pouquíssimas vagas disponíveis (são apenas 70 vagas para quase mil candidatos). Dessa maneira, seu processo seletivo é rigorosíssimo (e um tanto polêmico!). Confesso envergonhado que há pelo menos quatro anos eu tento fazer o CLIPE, mas nunca fui aprovado (coisas de escritor sem muito talento!). No ano passado, por exemplo, fiz um post na coluna Cursos e Eventos sobre o Curso Livre de Preparação do Escritor. Naquela oportunidade, comentei o que era o CLIPE e como ele funcionava. Não é porque sou sistematicamente reprovado de sua seletiva que não irei enaltecer a excelência deste curso da Casa das Rosas nem deixarei de incentivar os interessados a se inscreverem, né?


Fiz esta pequena introdução para dizer que a Casa das Rosas apresentou uma novidade interessante no final do mês passado. Em 2020, teremos uma versão online do CLIPE. Por causa das interrupções das atividades presenciais do museu, reflexo obviamente da pandemia do novo coronavírus, as aulas migraram para o formato digital. Aí surgiu a ideia: ao invés de disponibilizar essas aulas apenas para os alunos do CLIPE tradicional, por que não abrir uma nova modalidade para outros participantes acompanharem o conteúdo pela Internet? Nasceu, assim, o CLIPE Online, a versão mais enxuta e inclusiva do tradicional curso do Centro de Apoio ao Escritor da Casa das Rosas. Confesso que fiquei encantado com esta proposta. Enfim, poderei fazer este curso... Até agora não acredito!

Se você também ficou interessado, é importante se atentar para as diferenças entre esta versão do curso e sua versão tradicional. O CLIPE Online não terá a extensão e a profundidade do curso presencial (que dura um ano). Este será bem mais rápido - serão apenas 12 aulas que deverão ser acessadas em até 21 dias, a partir do primeiro acesso. O aluno terá até 30 dias para enviar os textos propostos pelos professores. Ou seja, estamos falando de uma oficina literária de tiro curtinho (um mês). Além disso, o curso online não terá processo seletivo (ufa!). A única condição é que o participante tenha mais de 18 anos (por enquanto não há previsão para um CLIPE Jovem Online). Por outro lado, haverá cobrança pela inscrição. O valor é de R$ 60,00 para cada participante. A inscrição deve ser feita na plataforma do Hotmart. Comparando com as demais opções do mercado, achei o preço bem em conta (para não dizer barato).


O CLIPE Online de 2020 está dividido em três módulos: Conto, Crônica e Ensaio. Cada modalidade terá quatro aulas. Quem irá ministrar o conteúdo de conto será Veronica Stigger, autora de “Opsianie Swiata” (Cosac Naify) e de “Os Anões” (Cosac Naify). Já as aulas de crônicas serão dadas por Marcelino Freire, autor de “Contos Negreiros” (Record) e “Nossos Ossos” (Record). E Tiago Novaes, autor de “Estado Vegetativo” (Callis) e “Algoritmo” (Quelônio), será o responsável pela parte ensaística. Nota-se que o time de docentes é de primeiro nível – nomes de destaque da literatura brasileira contemporânea (sou suspeito para falar porque sou fãnzaço de Veronica Stigger e Tiago Novaes).


As inscrições do CLIPE Online vão até a próxima segunda-feira, dia 7 de setembro. As aulas serão disponibilizadas já na terça-feira, dia 8. Vale lembrar que as aulas são previamente gravadas. Se por um lado o participante perde em interação com o professor e com os demais alunos do curso, por outro lado, ele ganha em flexibilidade de horário e de data para assistir aos vídeos. Para ganhar o certificado de conclusão de curso, o aluno deverá entregar as atividades propostas dentro do prazo estipulado. O material produzido no CLIPE Online passará por uma avaliação e poderá se transformar, no futuro, em uma publicação literária a ser divulgada tanto pelo site do Centro de Apoio ao Escritor quanto pela revista Grafias.

Gostei tanto da proposta deste curso que já fiz minha inscrição. Se não dá para ir de CLIPE tradicional, vamos de CLIPE Online mesmo. O que não dá é para ficarmos parado, sem um bom programa de desenvolvimento da escrita, né? Mesmo assim saibam que em janeiro de 2021, se a vacina contra o COVID-19 já tiver colocado o mundo de volta nos trilhos, irei à Casa das Rosas preencher a ficha de inscrição do bom e velho CLIPE presencial. Vou ser reprovado outra vez, eu sei, mas continuarei tentando.


Que tal o conteúdo do Bonas Histórias? Compartilhe sua opinião conosco. Para conhecer os demais posts desta coluna, clique em Cursos e Eventos. E não se esqueça de curtir as páginas do Bonas Histórias nas redes sociais – Facebook, Instagram, Twitter e LinkedIn.

A Editora Pomelo é parceira do Bonas Histórias, blog de literatura, cultura e entretenimento
A Dança & Expressão é parceira do Bonas Histórias, blog de literatura, cultura e entretenimento
Eduardo Villela é Eduardo Villela é book advisor e parceiro do Bonas Histórias, blog de literatura, cultura e entretenimento
BonaBelle Design & Organização é parceira do Bonas Histórias, blog de literatura, cultura e entretenimento
A Epifania Conteúdo Inteligente é parceira do Bonas Histórias, blog de literatura, cultura e entretenimento
Keli Quitutes

Bonas Histórias

O Bonas Histórias é o blog de literatura, cultura e entretenimento desenvolvido por Ricardo Bonacorci desde 2014. Com um conteúdo multicultural (literatura, cinema, música, teatro, exposição e gastronomia), o Blog Bonas Histórias analisa as boas histórias contadas no Brasil e no mundo.

bonashistorias.com.br

Ricardo Bonacorci

Nascido na cidade de São Paulo, Ricardo Bonacorci tem 39 anos e trabalha como publicitário, produtor de conteúdo, crítico literário e cultural, editor, escritor e pesquisador acadêmico. Ricardo é especialista em Administração de Empresas, pós-graduado em Gestão da Inovação, bacharel em Comunicação Social, licenciando em Letras-Português e pós-graduando em Formação de Escritores.  

Bonas Histórias | blog de literatura, cultura e entretenimento | bonashistorias.com.br

Blog de literatura, cultura e entretenimento